Poder

PGJ instaura inquérito criminal contra Prefeitura de Sucupira do Norte

Prefeita de Sucupira do Norte, Leila Maria Rezende Ribeiro.

Irregularidades na contratação de empresa da limpeza pública motivaram a Procuradoria Geral de Justiça (PGJ) a instaurar um inquérito criminal contra a Prefeitura de Sucupira do Norte, comandada por Leila Maria Rezende Ribeiro.

O Procedimento Investigatório Criminal – PIC está sob a responsabilidade do assessor da PGJ, promotor de Justiça, Carlos Henrique Brasil Teles Menzes.

Segundo o documento obtido pelo Blog do Neto Ferreira, a denúncia sobre as irregularidades serviram de base para a abertura da Notícia de Fato nº. 007333-500/2020, que foi convertida no inquérito criminal em virtude da necessidade do aprofundamento das investigações sobre o fato.

O PIC tem prazo de 90 dias para ser concluído.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários