Poder

Justiça Eleitoral confirma Léo Cunha como candidato a prefeito de Estreito

O juiz da 82ª zona eleitoral de Estreito, Bruno Mauro de Andrade Miranda, jugou na última terça-feira, (20) a improcedência do pedido de impugnação da campanha eleitoral movida pela coligação ESTREITO SEGUINDO EM FRENTE representados pelos partidos (DEMOCRATAS,PATRIOTAS,PROGRESSSTAS,PTB,MDB e PCdoB) contra o agora deputado estadual e candidato a prefeito de Estreito Léo Cunha.

O Ministério Público Eleitoral de Estreito através de denuncia aceita, ajuizou o pedido no dia 19 de maio, nos autos do processo o MP potencializa a inelegibilidade do candidato alegando que o mesmo teve suas contras do ano de 2018 desaprovadas.

Léo Cunha através dos seus advogados demonstrou tanto o pagamento da multa quanto a obtenção da certidão de quitação eleitoral em tempo hábil, que tal pagamento ocorreu no dia 17/08/2020, data anterior ao protocolo do requerimento de registro de candidatura, ocorrido no dia 25/09/2020, assim, estando legalizado para concorrer às eleições municipais em Estreito.

Veja a decisão aqui


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários