Poder

Prefeitura de Pinheiro contrata empresa acusada de executar “serviços fantasmas”

A Prefeitura de Pinheiro, administrada por Luciano Genésio, celebrou um contrato de cifras altíssimas com a empreiteira GPA Construções e Serviços, localizada na Raposa.

Segundo informações colhidas pelo Blog do Neto Ferreira, o Executivo pinheirense pretende pagar R$ 557.122,68 mil à empreiteira por serviços de conclusão de uma praça esportiva. O prazo contratual é de apenas 3 meses.

O contrato foi celebrado via Secretaria Municipal de Administração, Finanças, Planejamento e Desenvolvimento Urbano, que tem como titular Patrícia Helena Ramos da Costa Oliveira.

Esse não o primeiro acordo contratual firmado entre a gestão Luciano Genésio e a construtora. Em 2019, a empresa foi contratada para construir uma ponte de madeira pelo valor de R$ 453.376,04 mil.

De propriedade de Glabson de Jesus Pereira e Paulo Henrique Almeida Pinheiro, a GPA já foi alvo de uma auditoria do Tribunal de Contas (TCE), que fiscalizou obras de reformas e ampliações em escolas da zona rural de Anapurus.

Durante a visita in loco, foi descoberto que a empresa recebeu cerca de R$ 561.086,42 mil para executar serviços de pintura, cobertura e proteções, instalações elétricas, hidráulicas e sanitárias, e de revestimentos e esquadrias. No entanto, apenas pintou os prédios escolares.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

2 comentários em “Prefeitura de Pinheiro contrata empresa acusada de executar “serviços fantasmas””

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. João

    Mais menino, e desde quando esse prefeito é sério ? Ele só se junta com bobo.

  2. Gerson

    Essa empresa é séria um dos sócios é Bandeirinha,. Renomado Engenheiro Civil

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários