Poder

Quatro profissionais da Comunicação morreram vítimas da Covid-19 no MA

O novo coronavírus vem se propagando com bastante intensidade e rapidez no Maranhão. Os grupos de profissionais que estão na linha de frente ao combate da pandemia tem sido os mais afetados.

Como é o caso dos comunicadores, expostos ao vírus, pois estão nas ruas colhendo informações para levar ao público com imparcialidade, credibilidade e precisão. No Estado, 4 profissionais da Comunicação morreram vítimas da Covid-19. 3 testaram positivo até o momento.

Os diagnosticados pela doença que não resistiram são os jornalistas e radialistas Roberto Fernandes, que atuava no grupo Mirante, e Alfredo Menezes, da Rádio Timbira AM, de 72 anos; o técnico de telecomunicações da TV Assembleia, Sidney Piedade de Carvalho, de 55 anos; e o radialista Enok Serra, que trabalhou na extinta rádio Difusora AM e na rádio comunitária Ilha do Amor.

O jornalista da TV Mirante, Douglas Pinto, e o radialista da Rádio Nova, Osvaldo Maia, repórter da TV Cidade, Laryssa Madeira, testaram positivo para a doença, mas se recuperam bem.

Outro grupo de profissionais bastante atingido é o da saúde. Já tem 309 funcionários infectados pelo novo coronavírus. 8 morreram em decorrência da doença.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários