Poder

Pacientes com suspeita de Covid-19 são recusados em UPA’s por falta de leitos no MA

No fim de semana, pacientes com suspeita de coronavírus (Covid-19) foram recusados nas UPA’s de São Luís por falta de leitos.

Dois vídeos divulgados pelas redes sociais mostram profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) relatando que não conseguiram internar os pacientes.

Uma das gravações ocorreu na porta da UPA da Cidade Operária, onde afirma que já estava vindo da unidade do Bacanga. Ambas estavam sem vagas.

“Nós estamos aqui, na porta da UPA da Cidade Operária, com paciente com suspeita de Covid. Nós já viemos da UPA do Bacanga. Não receberam, não tinha vaga. E nós estamos também aqui. Disseram que não tem vaga, porque não tem respirador, e estamos aqui aguardando, desde 3h30 da manhã. O que que vai ser feito? Paciente dentro da ambulância, ninguém atende, ninguém quer receber. Pra onde nós vamos? Quem pode nos ajudar?”, questiona.

Em outro vídeo, a profissional fala que tentou internar o paciente desde às 15h30 nas Unidades de Pronto Atendimento do Araçagy, do Vinhais, no Socorrão 1, e no Hospital da Mulher.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Um comentário em “Pacientes com suspeita de Covid-19 são recusados em UPA’s por falta de leitos no MA”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Anaildo

    No Maranhão não tem governador? O Flávio Dino se preocupa tanto com o Bolsonaro que esquece das obrigações dele como governador, socorre Bolsonaro os maranhenses!!!!!!!!!!!

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários