Poder

Agentes da Força Nacional já estão atuando em terra indígena no MA

Os agentes da Força Nacional, enviados pelo Ministro da Justiça e Segurança Pública à Terra Indígena Cana Brava, chegaram ao Maranhão nesta quarta-feira (12). No local, dois índios da etnia Guajajara morreram e outros dois ficaram feridos em um atentado no sábado (7) na BR-226. São 20 agentes que chegaram em seis viaturas.

As tropas chegaram por volta das 18h. Segundo o Ministério da Justiça e Segurança Pública, a medida tem como objetivo garantir a integridade física e moral dos povos indígenas, dos servidores da Fundação Nacional do Índio (Funai) e dos não índios. A Força Nacional também vai ajudar nas ações da Polícia Federal e atuar na fiscalização da BR-226.

A operação da Força Nacional deve durar 90 dias, mas pode ser prorrogada. Enquanto as tropas não chegavam na região, equipes da Polícia Militar faziam o policiamento para garantir a segurança e integridade dos indígenas.

Ações
Além de acompanhar e patrulhar a região onde os indígenas residem, o grupo militar também fará rondas ao longo da BR-226, num trabalho em conjunto com a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Eles ficarão alojados em uma escola situada dentro das terras indígenas e também em um quartel da Polícia Militar de Barra do Corda.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários