Poder

Professor denuncia desvalorização profissional em Bacuri

Um caso de desvalorização do profissional da educação foi registrado na cidade de Bacuri, interior do Maranhão, que é administrada por Washington de Oliveira.

Segundo denúncias enviadas ao Blog, um professor municipal efetivo protocolou com dois pedido na Secretaria de Educação para progressão de nível de cargo desde o ano passado com base no Plano de Cargos e Carreiras do município, que prevê tal mudança, mas até o momento não teve o requerimento aceito.

Aibda de acordo com informações, o órgão responsável foi procurado várias vezes, porém afirma que o pedido está em análise. Os documentos abaixo mostram que os pedidos foram feitos entre outubro e novembro.

O professor, cuja identidade não foi revelada, disse que pretende recorrer aos órgãos competentes para ter os direitos respeitados, pois está habilitado para a progressão de cargos e está perdendo cerca de R$ 900 em gratificações.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

3 comentários em “Professor denuncia desvalorização profissional em Bacuri”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Anaildo

    A educação no Maranhão foi, é, e sempre será um colapso por 99% dos servidores públicos se mostram acomodados com o crime praticados pelas administrações públicas do estado, parabéns a esse 1% que deu cara a tapa.

  2. Anaildo

    Os direitos só os tem quem procura, lembrando, aonde as autoridades são honestas.

  3. Jodenil Morais

    Agradeço imensamente o apoio.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários