Poder

Hacker é preso por aplicar golpes por aplicativo de mensagens

O hacker e dono da PHC Pinheiro, Paulo Heitor Campos Pinheiro, foi preso em São Luís praticar golpes através de aplicativo de mensagens e lavagem de dinheiro por 252 vezes. Também foi cumprido mandado de busca e apreensão.

Paulo Heitor foi abordado nas proximidades da sua casa, no bairro João Paulo, em São Luís. Na sua residência foram apreendidos documentos e mídias.

A operação faz parte de uma investigação do Ministério Público do Rio de Janeiro e da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro. Os mandados foram expedidos pela Comarca de Barra Mansa-RJ, onde Paulo Heitor é acusado de lavagem de dinheiro por 252 vezes.

As investigações apontaram que ele integra uma organização criminosa e teria como função no esquema utilizar contas bancárias para tentar dar origem aparentemente lícita aos valores oriundos de crime.

Durante a operação, foi identificado que, em uma das contas bancárias de Paulo Heitor constava o valor de R$ 1,5 milhão. Ele já foi encaminhado para o sistema prisional.

Em 2016, Paulo Heitor foi preso em flagrante suspeito de integrar uma organização criminosa envolvida em golpes digitais, que incluía golpes e furto a contas de agências bancárias.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

2 comentários em “Hacker é preso por aplicar golpes por aplicativo de mensagens”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Martha Aulete

    Estilo PT!

    Educação do PT: Não ao estilo cultural do PT, que já conhecemos em práxis. De um mau gosto enooorme! Baixa-cultura. O PT nivela por baixo.

    PT é verdadeira e acertadamente Ersatz.
    E é hiper vigarista. E picareta.

    O PT culturalmente é de um mau gosto enorme. PT é Kitsch.
    Enganador da mente do povo via publicidade e propaganda bem elaborada pra tornar o barango chique e consumível, via João o Milionário Santana, preso devido a religião cujo nome é PETISMO.

  2. Anaildo

    As autoridades deveriam tratar os políticos dessa mesma forma, expondo-os de uma que a população pudesse ver claramente quem são os que cometem crimes irreparáveis, e não somente os pobres que as autoridades exibem como troféus sem o pingo de respeito com os familiares que vêem seus entes a margem da ridicularizacao.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários