Poder

Relatório afirma que empresas não tem veículos para atuar em Olho d’Água das Cunhãs

A Controladoria-Geral da União detectou que a KKNE – Projeto & Construção-ME e a H.P Construções e Empreendimentos Ltda, ambas de propriedade de Adilson Luiz Castelo Branco Rocha, não tem capacidade técnico-operacional para executar serviços de transporte escolar em Olho d’Água das Cunhãs.

A KNNE foi beneficiada com uma licitação montada pela Prefeitura no valor de R$ 720 mil em 2016 e a H.P. Construções, que atuamente atende pelo nome de Plamontec Planejamento Obras Terraplanagem Ltda, foi usada por Adilson para receber os recursos pagos pelo Executivo.

O relatório emitido pelos técnicos da União aponta uma série de irregularidades, entre elas estão a ausência de registros de veículos no Denatran em nome das duas empresas, o não registro de e funcionários e empregados em nome da Plamontec e KKNE e a mais grave é que a empresa de fato contratada não é especializada em transporte com veículos convencionais, mas sim em construção de edifícios.

Em reposta à CGU, Adilson Luiz Rocha admitiu que na época da execução do contrato a empresa não possuía frota própria de veículos, razão pela qual recorreu a sublocações de veículos de terceiros.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários