Poder

Anajatuba abre as portas para o empreendedorismo

As portas de completar 165 anos de emancipação política, o município de Anajatuba, pertencente à Baixada maranhense e distante a 143 Km de São Luís, entra de vez na categoria das cidades que vislumbram o seu futuro acreditando que os dias melhores serão construídos por um povo culto e capacitado profissionalmente.

Com aproximadamente 29 mil habitantes, Anajatuba que já havia abraçado o Pólo da Universidade Estadual do Maranhão, UEMA e os cursos de qualificação profissional promovidos pelo SENAI, agora estreita ainda mais os laços com esse precioso parceiro e também com o SEBRAE, ao mesmo tempo em que comemora uma nova conquista: a instalação para ainda esse ano do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão, IEMA, no município, uma ferramenta fundamental nessa nova era de se pensar políticas públicas, ao colocar o crescimento intelectual e técnico, em uma ação que já nasce grande, pois de cara levará qualificação profissional a 150 jovens da cidade, a modalidade e o perfil dos cursos já está sendo discutida pelo secretario da área e deverão atender a vocação da cidade.

O prefeito Sidney Pereira enfatizou que isso é só o começo e que o legislativo soma com tal ação, na pessoa da presidente da Câmara, vereadora Maria do Rosário Aragão Rodrigues, PT, e o vereador David Moreira, pertencente às hostes do PSB, que contribuíram sobremaneira com o nível do debate.

Técnicos de extrema competência representaram o SENAI: Rogério Garcês – Gerente das Relações do Mercado SENAI – Estado, disse que o aprendizado é um legado que fica para a vida toda e ter a sensibilidade de descobrir e formar um banco de talentos na cidade é um ativo que não tem preço.

“O SENAI está e sempre estará junto a administradores que tenham essa visão de mundo, exemplo do prefeito de Anajatuba, Sidney Pereira”, disse.

O agente de desenvolvimento David Felipe, do escritório regional do SEBRAE em Rosário, acentuou na reunião de trabalho que o foco do SEBRAE é fechar parcerias com municípios cujos gestores estejam abertos a ajudar a sua população a se capacitar para montar ou ampliar os seus pequenos negócios, por isso mesmo, com total apoio do poder público municipal, será implantado a já exitosa iniciativa em outros municípios, que é a Sala do Empreendedor, um espaço em que os empreendedores locais terão orientação qualificada, aprenderão como tirar sua empresa da informalidade, como abrir um novo negócio, obedecendo a um criterioso levantamento de demanda, uma ação que vai muito além das quatro paredes do escritório, em parceria com as Secretarias de Educação dos municípios, ela adentra as salas de aula levando aos jovens o mundo mágico do empreendedorismo, fazendo com que as novas gerações possuam uma ampla visão de mercado para assim enfrentar os desafios que certamente enfrentarão em suas vidas.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários