Poder

Polícia identifica suspeito de matar filho de policial civil na Avenida Litorânea

A Polícia Civil do Maranhão, por meio da Superintendência de Homicídio e Proteção à Pessoa (SHPP), identificou Eduardo Correa Durans como o principal suspeito de ter executado a tiros na noite de segunda-feira (11) na Avenida Litorânea, em São Luís, o jovem Erick Cuba de Oliveira, 19 anos, quando ele estava com amigos jogando bola na praia.

Segundo a polícia, Eduardo Correa teria uma rixa antiga contra a vítima. Eles teriam tido uma desavença no ano de 2018. Erick Cuba, a vítima do homicídio, teria esfaqueado Eduardo Correa, o autor do homicídio.

Após as investigações e descobertas da polícia, o próximo passo da equipe policial é tentar encontrar e prender o suspeito da morte de Erick Cuba de Oliveira.

Homicídio na Avenida Litorânea

Erick Cuba de Oliveira foi executado a tiros na noite desta segunda-feira (11), na Avenida Litorânea quando estava com amigos jogando bola na praia, em São Luís. Segundo testemunhas, o crime teria sido cometido por dois homens que estavam em uma motocicleta vermelha.

Erick de Oliveira era filho de um policial civil aposentado. O corpo da vítima ficou caído no calçadão da Avenida Litorânea. Ele já estava com o material pronto para o jogo noturno quando foi atingido.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários