Poder

Filho de desembargador do TRF-1 é alvo de operação da Polícia Federal

A Polícia Federal realizou busca e apreensão no escritório do advogado Ravik de Barros Bello Ribeiro, filho do desembargador Cândido Ribeiro, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1).

O filho do magistrado foi alvo da Operação Abscôndito II, deflagrada na última quinta-feira (18), no Distrito Federal, São Luís, Imperatriz e Goiânia.

Foram cumpridas 9 mandados de busca e apreensão e 2 de prisão temporária expedidos pelo juiz federal substituto, Luiz Régis Bom fim Filho, da 1ª Vara Federal do Maranhão. A ação da PF faz parte de uma das fases da Operação Sermão aos Peixes.

No relatório, a PF aponta que um dos investigados teria dilapidado seu patrimônio e transferido seus bens para o advogado Ravik, visando impedir que fosse decretada a perda de tais bens, violando, assim, medidas cautelares impostas pela Justiça.

Os federais investigam, também, o vazamento da primeira fase da Operação Sermão aos Peixes, da qual membros da organização criminosa investigada teriam atuado para cooptar servidores públicos de modo a obter informações privilegiadas sobre a investigação.

Ravik é ex-sócio do advogado e desembargador aposentado do TRF-1, Fernando Tourinho Neto, no escritório Bello Ribeiro e Tourinho Neto Advocacia, que funciona em Brasília.

A equipe de reportagem entrou em contato com o advogado para esclarecer o fato, mas até o fechamento da matéria não obteve êxito.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários