Poder

Comando Geral abre inquérito após monitorar polícias críticos a BPRv

O comando geral de polícia militar do Maranhão abriu inquérito no dia 15 de fevereiro para apurar cometários de policiais militares feitos em um grupo de WhatsApp contra ações do governo, através da BPRv (Batalhão de Polícia Rodoviária)

O inquérito foi aberto após o comandante receber prints de Whattsap em total espionagem aqueles militares que não concordam, com a forma que é desenvolvido o trabalho ostensivo da BPRv. Veja o documento do inquérito Aqui.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Um comentário em “Comando Geral abre inquérito após monitorar polícias críticos a BPRv”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Tito livio

    Eita governo comunista perseguidor

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários