Poder

Vice-prefeito de São João do Carú gastou em 30 dias R$ 205 mil só em combustível

O curto período em que assumiu a Prefeitura de São João do Carú, o vice-prefeito Geraldo Nunes de Castro (PR), promoveu, o que pode-se classificar, de gastos absurdos, durante o afastamento do atual prefeito Francisco Vieira Alves, o Xixico (PTC).

Consulta realizada pelo Blog do Neto Ferreira ao sistema de dados do Banco do Brasil – consulta pública -, revela que o vice-prefeito Geraldo torrou R$ 205 mil reais em dinheiro público apenas, em 30 dias, pagando o posto de combustível Silva e Pontes Ltda., que pertence a

Nos dias 06 e 13 de março, a Secretaria Municipal de Saúde, comandada por Raimundo Nonato Masal realizou duas transferências para contra do posto, sendo uma de R$ 30.470,00 (trinta mil, quatrocentos e setenta reais) e outra de 24.479,00 ( vinte e quatro mil, quatrocentos e setenta e nove reais). Da conta do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), a gestação de Geraldo transferiu noas dias 12 e 21 para o mesmo posto de combustível os valores de R$ 20.924,00 (vinte mil, novecentos e vinte e quatro reais), e R$ 12.503,00 (doze mil, quinhentos e três reais).

Através da Secretaria de Educação, pasta controlada por Jordana da Silva do Nascimento, também foi realizado mais três repasses. No dia 02, 12 e 21 de março, foram transferidos dinheiro do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) para conta do posto de combustível Silva e Pontes Ltda.

Foi transferido R$ 30.673,00 (trinta mil, seiscentos e setenta e três reais), R$ 36.872,00 (trinta e seis mil, oitocentos e setenta e dois reais) e R$ 49.317,00 (quarenta e nove mil, trezentos e dezessete reais), conforme extratos obtidos pela reportagem.

O uso incorreto de recursos da União, a exemplo do Fundeb, pode ser investigado pela Polícia Federal, Ministério Público Federal e resultar em cadeia, se comprovado a ilicitude dos fatos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários