Poder

Declaração de Manuela D’Ávila começa afastar PT de coligar com PCdoB no Maranhão

A pré-candidata à Presidência, Manuela D’Ávila deu uma declaração que gerou revolta entre os petistas que apostam na candidatura do Lula.

Durante evento ocorrido na segunda-feira (26) na Assembleia Legistiva de São Paulo, Manuela comentou que não haverá ‘candidatura de centro’ nas eleições. A reportagem foi divulgada pela Folha de São Paulo.

Para uma plateia de militantes do seu partido, a deputada gaúcha acabou diminuindo Lula, sem perceber, com tal declaração sobre cenário eleitoral presidenciável.

Na avaliação dos petistas, Lula é extremamente importante para as eleições e representa, sem sombra de dúvidas, uma “candidatura de centro”.

Em contato com o Blog do Neto Ferreira, um influente petista relatou a indignação da executiva nacional do PT com determinadas atitudes de membros do PCdoB.

No Maranhão, petistas já defendem que a sigla não coligue com o partido do governador por dois motivos: o tratamento de desprestígio de Flávio Dino com o PT estadual e as declaração de desrespeito com Lula que foi dada pela candidata do PCdoB, Manuela D’Ávila,


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários