Poder

Empresa terceirizada da SSP nega atraso salarial de 2 meses

A Supritech – Comércio e Serviços LTDA, empresa que presta serviços para o CIOPS, setor da Secretaria de Segurança Pública (SSP), negou que o atraso salarial dos funcionários perduram por dois meses.

A informação foi dada por meio de nota. Leia abaixo:

A Supritech – Comércio e Serviços LTDA, exercendo o seu direito de resposta garantido pela Lei nº 13.188/2015, vem por meio desta, manifestar-se quanto à publicação da matéria “Funcionários de empresa terceirizada da SSP denunciam salário atrasado”, na qual relata que esta empresa estaria com dois meses de salários atrasados.

As informações nela contidas não se coadunam com a verdade, visto que a empresa não se encontra com dois meses de atraso salarial. Todos os salários relativos ao mês de Agosto foram devidamente pagos, bem como todas as demais verbas trabalhistas aos quais os seus empregados possuem direito.

De fato a empresa ainda não pode quitar os salários referentes ao mês de Setembro, mas tão somente este mês, o qual teve o seu vencimento no dia 06 de outubro. Verifica-se assim que o atraso dos salários de seus empregados não perduram 20 (vinte) dias.

Tal fato inclusive é contrário à filosofia da empresa, que sempre se pautou no reconhecimento e no respeito de seus colaboradores. Entretanto, em virtude do atraso no repasse do pagamento da fatura por parte da Secretaria de Segurança Pública deste Estado, não foi possível realizar, até à presente data, a quitação de seus salários.

Cumpre informar que a empresa não está medindo esforços para solucionar o problema com a maior brevidade possível.

Agradecemos o espaço aberto para que possamos melhor elucidar o fato publicado, e assim apresentar a real versão dos fatos, e deixando os seus leitores corretamente informados.

Nos colocamos à disposição para demais informações, caso entenda necessário.

Att,
Alexander Carneiro
Gerente de contratos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Um comentário em “Empresa terceirizada da SSP nega atraso salarial de 2 meses”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Teodoro

    Os colaboradores do Ciops não são funcionários do Governo, a responsabilidade do pagamento é da Empresa Supritech, o setor de vídeo monitoramento que é terceirizado por outra empresa, nunca houve atrasos dos salários e tickets independente da demora do repasse da secretaria. Supritech é campeã de processos trabalhistas e o atraso é recorrente. Isso é fato e verdadeiro.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários