Poder

Prefeita de Vila Nova dos Martírios nega irregularidades na COMEFC

Prefeita-Karla-Batista-Cabral

A prefeita de Vila Nova dos Martírios e presidente da Consórcio dos Municípios dos Corredores Multimodais do Maranhão – COMEFC, Karla Batista, emitiu nota acerca da matéria “Áudio revela propina entre COMEFC e prefeita; Vale sabia”, que foi veiculada neste Blog na última sexta-feira (11).

Karla nega as acusações e afirma que a função do consórcio é de assessoria na viabilização de convênio para os municípios. Disse também que há 1 ano e meio vem cumprindo com honestidade o papel de presidente.

Leia a nota na íntegra:

“Exercendo meu direito de resposta, venho através deste, manifestar-me quanto à publicação da matéria “Áudio revela propina entre COMEFC e prefeita; Vale sabia” na qual foram feitas denúncias de corrupção envolvendo a diretoria do COMEFC, funcionários da Vale S.A e empreiteiros.

Na manhã deste sábado (12.08.2017), fui surpreendida com as gravíssimas informações divulgadas neste veículo de comunicação que imputam – falsa e irresponsavelmente – à minha pessoa condutas ilícitas e absolutamente reprováveis enquanto Presidente do Consórcio dos Municípios dos Corredores Multimodais do Maranhão – COMEFC -, informações estas obtidas por meio de gravação telefônica que retrata diálogo entre terceiros, ainda não identificados, das quais jamais tive conhecimento e que de já afirmo minha repulsa e indignação.

Exerço a Presidência do COMEFC há quase um ano e meio cumprindo com vigor e honestidade a função a mim confiada. Durante todo esse período diversos projetos foram conquistados pelo consórcio e executados pelos municípios consorciados, beneficiando milhares de pessoas nas mais diversas áreas: saúde, educação, geração de emprego e renda, aquisição de ambulâncias, dentre outros.

Esclareço que, diferentemente do que se alega na gravação (e que retira a credibilidade da narrativa), a função do consórcio é meramente de assessoria na viabilização de convênios, apresentação de projetos e, posteriormente, nas prestações de contas, competindo a cada ente consorciado (município), observadas as balizas de legalidade, moralidade e transparência, a celebração, execução e pagamento dos contratos firmados para realização das obras e serviços conveniados.

Ressalto que não compactuo e nem tolero o mal feito, e afirmo que serão imediatamente investigados e apurados os fatos narrados, de modo a responsabilizar os envolvidos nas esferas cível, criminal e administrativa, acaso constatado o mínimo lastro de veracidade na denúncia.”

Karla Batista Cabral

Prefeita Municipal de Vila Nova dos Martírios


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários