Poder

Emserh prevê gastar R$ 9,2 milhões em medicamentos

CasaAlugada

A Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares – Emserh, órgão ligado ao governo Flávio Dino, continua celebrando contratos milionários.

No dia 4 de agosto, a Emserh firmou dois acordos com as empresas Laboratório Cristália, localizada em Itapira, interior de São Paulo, e a Distribuidora de Medicamentos Hospitalares e Odontológico.

Os contratos preveem o fornecimento de medicamentos via parenteral (frasco-ampola) grupo 2 para as unidades de saúde administradas pela Empresa do governo.

De acordo com o Diário Oficial do Maranhão, o Laboratório Cristália, que tem como donos Ogari de Catro Pacheco, Luiz Stevanatto Neto, Andréa Stevanatto, Kátia Stevanatto Sampaio, Ricardo Santos Pacheco, Renata Pacheco Carvalho Santos, Rogério Santos Pacheco, OCP Participações Ltda, JMS Participações Ltda e Irís Scussel Stevanatto, faturou o acordo contratual com o valor maior, R$ 7.819.727,80 (Sete milhões, oitocentos e dezenove mil, setecentos e vinte e sete reais e oitenta centavos).

E a Distribuidora de Medicamentos, ficou com o contrato orçado em R$ 1.400.000,00 (Um milhão e quatrocentos mil reais).

O Blog do Neto Ferreira fez uma pesquisa em sites de cadastros de empresas acerca da Distribuidora, mas não encontrou quaisquer informações, como por exemplo o CNPJ. A própria Emserh também não divulgou o cadastro da empresa.

Os contratos tem validade de 12 meses e, se somados, chegam a R$ 9.219.727,80 milhões.

emserh

emserh1

emserh2


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários