Poder

Empresa de São Paulo ganha concessão de R$ 303 milhões para iluminação de Açailândia

DSC_0135

A empresa Luzes de Açailândia SPE Ltda foi contratada pela Prefeitura de Açailândia, administrada por Juscelino Oliveira e Silva, para a prestação dos serviços de modernização, otimização, expansão, operação, manutenção e controle remoto e em tempo real da infraestrutura da rede municipal de Iluminação Pública pelo período de 35 anos.

O valor do contrato, segundo publicação da Prefeitura no Diário Oficial do Estado (DOE) do dia 10 de julho, é de R$ 303.836.655,29 (trezentos e três milhões, oitocentos e trinta e seis mil, seiscentos e cinquenta e cinco reais e vinte e nove centavos).

Por mês, a empresa irá faturar R$ 8.681.047,294 milhões.

O acordo contratual é uma Parceria Público-Privada (PPP), na modalidade de concessão administrativa.

Luzes de Açailândia tem sede em Urânia, interior de São Paulo, e é administrada por Alberto Rodriguez Casasola, Arelsa Brasil Ltda, e Salvi Brasil Iluminação Ltda, que tem também como sócio Alberto Rodriguez Casasola.

A execução do serviço começará no dia 1º de agosto de 2017.

alcantara

alcantara1

alcantara2


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

2 comentários em “Empresa de São Paulo ganha concessão de R$ 303 milhões para iluminação de Açailândia”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. JOSÉ CÉLIO MARTINI MARTINI

    Estive na cidade de Urânia aonde meu saudoso pai foi prefeito por dois mandatos
    e meu primo por três mandatos.
    Consultei na tesouraria da prefeitura qual informou que não existe esse endereço
    e também não consta nada em cadastro nome Alberto Rodrigues Casasola.

  2. Pedro Paulo Pinheiro

    Alberto Rodriguez Casasola, ex presidiário, golpista Aplicou mesmo golpe em Urania-SP siga o link

    http://cardosinho.blog.br/regiao/ex-prefeito-de-urania-assinou-contrato-de-r-20-milhoes-com-empresa-de-iluminacao-mas/

    Endereço em Urania não existe

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários