Poder

Com dispensa de licitação, clínicas ganham contratos de R$ 6,3 milhões em Imperatriz

Com dispensa de licitação, a Prefeitura de Imperatriz contratou a empresas CDR – Clínica de Doenças Renais de Imperatriz e CNI- Clínica de Nefrologia de Imperatriz pelo valor exorbitante de R$ 6.363.813,46 milhões

Segundo os extratos dos contratos, as Clínicas executarão de serviços em tratamento dialítico da demanda de ambulatório do SUS em Imperatriz.

De propriedade de Paulo Sérgio Zittlau, Aneo Luiz Dias Costamilan, Antônio Alberto Coelho de Brito e Antônio Dantas Silva Filho, a CDR vai faturar cerca de R$ 3.136.492,26 (três milhões cento e trinta e seis mil quatrocentos e noventa e dois reais e vinte e seis centavos).

Já a CNI, que pertence à Antônio Alberto Coelho Brito, Antônio Dantas Silva Júnior, Paulo Sérgio Zittlau, Aneo Luiz Dias Costamilan, Gilson Freitas Rigo Guimarães e Irisnaldo Félix da Silva, vai lucrar R$ 3.227.321,20 (três milhões duzentos e vinte e sete mil trezentos e vinte e um reais e vinte centavos).

Os dois contratos tem validade de 180 dias e foram firmados em 1º de abril de 2017.

Um ponto importante em relação aos dois acordos contratuais é que ambas as empresas tem praticamente os mesmos donos.

A CNI e a CDR tem em suas fichas cadastrais no site da Receita Federal como sócios Antônio Alberto Coelho Brito, Antônio Dantas Silva Júnior, Paulo Sérgio Zittlau, Aneo Luiz Dias Costamilan. ,

Veja abaixo:

imperatriz1

imperatriz2

imperatriz3

imperatriz4

imperatriz5


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários