Poder

Governo Flávio Dino gastará R$ 10,4 milhões em medicamentos oncológicos

CasaAlugada

R$ 10.460.240,07 milhões. Esse é o valor exato que a Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh), órgão ligado ao governo Flávio Dino (PCdoB), vai pagar para 5 empresas diferentes.

Os contratos firmados preveem o fornecimento de medicamentos oncológicos injetáveis, necessários na assistência prestada pelo Hospital do Câncer do Maranhão Dr. Tarquínio Lopes Filho.

As empresas contratadas foram a Conquista Distribuidora, localizada em Camboriú, Santa Catarina; United Medical, que fica em São Paulo; Uni Hospitalar, situada em Fortaleza; a Jorge Batista e CIA, localizada em Teresina; e a Mercúrio, situada em São Luís. Os valores que serão recebidos por elas são diferentes.

De acordo com o Diário Oficial, a Conquista Distribuidora, de propriedade de Geraldo Ribeiro Franco e Maria da Conceição Franco, ganhou um contrato de R$ 154.297,44 (Cento e cinquenta e quatro mil, duzentos e noventa e sete reais e quarenta e quatro centavos).

E para a United Medical, que pertence ao Grupo Biotoscana SL, a Cláudio Coracini, Perbal S.R.L, Luciana Pietro Lorenzo Ryan, Marcus Alexander Steffen, a Emserh pagará nada menos do que R$ 3.270.240,00 (Três milhões, duzentos e setenta mil e duzentos e quarenta reais).

A Uni Hospitalar, de propriedade de Pedro Ferreira da Silva Filho e Christian Mendes Oliveira Tavares, ficou com o contrato de R$ 50.349,60 (Cinquenta mil, trezentos e quarenta e nove reais e sessenta centavos).

A Empresa Maranhense vai desembolsar R$ 75.492,00 (Setenta e cinco mil, quatrocentos e noventa e dois reais) para pagar a empresa Jorge Batista e CIA.

E a empresa de São Luís, Mércurio, de propriedade de Patrícia Vasconcelos Ribeiro e Paulo Braid Ribeiro, ficou com a maior parte do “bolo” e deve faturar R$ 6.909.861,03 (Seis milhões, novecentos e nove mil, oitocentos e sessenta e um reais e três centavos).

emserh6

emserh7

emserh8

emserh9

emserh10

emserh11

emserh12

emserh13

emserh14

emserh15


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários