Poder

Números não caem e média de assaltos a coletivos se mantém em São Luís

tarifa-onibus

Pelo terceiro mês consecutivo, a média de assaltos a ônibus, registrados na grande São Luís, se mantém. De primeiro a 28 de Fevereiro, as empresas que realizam o transporte público, contabilizaram 64 ações do tipo.

Se compararmos com os meses de Dezembro de 2016 (69 assaltos) e Janeiro de 2017 (77 assaltos), a tendência é praticamente a mesma que em Fevereiro, pouco mais de dois assaltos registrados por dia na capital maranhense.

Em cada um dos dias 09 e 24 de Fevereiro, aconteceram cinco assaltos a ônibus, superando a média. Em outras datas, ocorreram até quatro assaltos, em apenas 24 horas, situação observada nos dias 11, 17, 21 e 22. Entre as áreas onde esse tipo de crime foi mais comum em Fevereiro, destaque para a Vila Esperança, BR 135, Anel Viário, nas proximidades do Terminal Praia Grande, Alemanha e Ipase.

Os números, que têm gerado enorme preocupação no Presidente e demais diretores do Sindicato dos Rodoviários, já foram repassados as autoridades de Segurança Pública, principalmente, ao Comando Geral da Polícia Militar, responsável pelo combate ostensivo desta modalidade de crime. A entidade reafirma que já fez contatos e que no momento, aguarda ser chamada para uma reunião com representantes da Secretaria de Segurança Pública.

“Esperamos que este encontro aconteça o mais breve possível. É preciso dar uma resposta aos usuários do sistema, Rodoviários e a população de modo geral, que já não suporta conviver com tantos registros de assaltos em nossa cidade. 64 crimes do tipo, em apenas 28 dias, são estatísticas impressionantes. A justiça também tem que entender que exerce papel fundamental. Depois de prender os criminosos, é preciso manter todos eles, atrás das grades. Quem é detido hoje e solto amanhã, volta a cometer os mesmos delitos. Enquanto não tivermos leis mais duras nesse país, infelizmente, continuaremos sofrendo com essa onda de criminalidade”, afirma Isaias Castelo Branco, Presidente do Sindicato dos Rodoviários do Maranhão.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários