Poder

Mãe da vítima de assédio sexual em Santa Rita também registra ocorrência na delegacia

O caso de assédio sexual que envolve o secretário de Comunicação de Santa Rita, Dan Castro, ganha mais um capítulo (releia).

A mãe de Georlanny Carvalho, a senhora Marilde Carvalho Bastos, confirmou que a vítima sofreu assédio sexual por parte de Dan Castro, e que em seguida, foi procurada pelo titular da Comunicação. As informações foram registradas em um Boletim de Ocorrência, na Delegacia de Santa Rita.

Segundo Marilde, no dia do suposto crime, a filha foi até a Prefeitura procurar Eliane para entregar o curriculum assinado pelo prefeito com o objetivo de pleitear uma vaga de emprego para o marido Agripino, mas Georlanny não conseguiu encontrá-la e se dirigiu até a sala de Dan Castro.

Momentos depois, Marilde afirma que viu os dois conversando e foi apresentada para o secretário, que falou o seguinte: “Que bom que a sua mãe já está ajeitada e tenha paciência que eu vou ajeitar você todinha”.

No dia seguinte a vítima voltou ao gabinete do secretário, conforme contou a mãe. Após essa segunda visita, o secretário de Santa Rita foi até a residência de ambas para tratar do ocorrido, chegando a pedir desculpas ao marido de Georlanny. “No momento da conversa, eu sai para fazer trabalho missionário e depois o secretário me encontrou e pediu para que eu falasse com minha filha, pois sabia como ela era. Disse também que tinha família e emprego”, detalhou Marilde.

A mãe de Georlanny declarou, ainda, que no decorrer dos dias, Dan Castro ficou ligando para a sua filha querendo marcar um encontro. Só parou com as ligações após a denúncia de assédio feita na Delegacia.

IMG-20170216-WA0078

IMG-20170216-WA0079


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários