Poder

Secretário Antônio Araújo não paga caçambeiros que carregaram asfalto nas eleições

A Prefeitura de São Luís conseguiu promover um belo trabalho de asfaltamento das vias públicas, principalmente, no período eleitoral que garantiu a reeleição Edivaldo Holanda Júnior (PDT).

Ocorre que, os trabalhadores – donos de caçambas – usados como mão de obra qualificada para transportar asfalto que foi aplicado nas vias, simplesmente estão sem receber pelo serviço prestado.

O secretário de Obras e Serviços Públicos (SEMOSP), Antônio Araújo, foi o responsável pela contratação da empresa que deveria repassar os pagamentos para os cacambeiros.

Revoltados com o descaso da prefeitura, em especial do secretário António Araújo, um grupo de caçambeiros se reuniram na porta da Semosp para cobrar a dívida relativo ao mês de setembro e outubro, mas não conseguiram resolver o problema.

A atitude do secretário, que nunca repassou do dinheiro para ser efetuado o pagamento dos caçambeiros, é uma afronta aos direitos dos pais de famílias que passaram o natal e ano novo sem receber pelo serviço prestado.

Um absurdo!


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

3 comentários em “Secretário Antônio Araújo não paga caçambeiros que carregaram asfalto nas eleições”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Alberto

    Nao só os cacambeiros, mais também as empresas contratadas para realizar os serviços de tapa buraco e recapeamento asfáltica nas vias urbanas e rurais de sao Luís, nunca receberam um so centavo dos serviços prestados…
    Situação que culminou na demissão em massa de vários pais de família por falta de recursos das empresas em manter a Folha salarial desses pais de família!
    Uma obra eleitoreira que nunca foi paga!! Vergonhoso isso de um prefeito que se diz evangélico e desse secretário de obras que nunca teve competência pra exercer o cargo que exece… pois como uma cidade( capital) pode ter comk secretário de obras uma pessoa que não sabe nada de construção Civil?
    Essas coisas a gente so ve aqui na ilha da ilusão!!

  2. Alana

    Agora eu pergunto, como sabe que o dinheiro não foi repassado? Será que a empresa não tá querendo é reter o dinheiro pra eles, pois muitas empresas fazem isso, depois declaram falência e ficam com o dineiro que foi repassado.

  3. Eliane

    A máscara de Edivaldo tá começando a cair a cem ar cortando luz dos prédios de secretarias e telefones de algumas tbm sendo cortados as máquinas sumiram as obras do hospital da criança tbm parou a da maternidade da CO nem se fala aí se pergunta que dinheiro foi usado na campanha milionária de Edivaldo

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários