Poder

Em depoimento à PF, Murad diz que sobrinho era dono de empresa que operou na Saúde

A confissão de Murad foi dada no dia 17 de novembro de 2015, quando a Polícia Federal o conduziu coercitivamente para depor na sede do órgão.

Em depoimento à Polícia Federal, o ex-secretário da Saúde do Maranhão, Ricardo Murad, confirmou que o seu sobrinho Rômulo Augusto Trovão Moreira Lima era sócio da Tempo Engenharia e Arquitetura Ltda juntamente com Alankardec Albuquerque Queiroga.

1656313_607784279277425_1383598804_n

A confissão de Murad foi dada quando a Polícia Federal o conduziu coercitivamente para depor na sede do órgão durante a deflagração da operação Sermão aos Peixes.

O Blog do Neto Ferreira obteve o documento com exclusividade e divulgará trechos do depoimento a seguir:

Ao ser questionado se o seu sobrinho Rômulo Trovão era, de fato, quem administrava e fazia o controle dos custos e pagamentos dos serviços prestados pela Tempo Engenharia, o ex-gestor, inicialmente, respondeu que pelo o que sabe o proprietário da empresa era o Alan (Alankardec Albuquerque). Que tem conhecimento de que Alan e Rômulo Trovão manteriam uma parceria, mas não sabe detalhes a respeito.

Em seguida, os agentes federais perguntaram se essa tal parceria se figurava em uma sociedade na Tempo Engenharia. Ricardo Murad se contradisse e afirma: “deve ter”.

E mais uma vez, o ex-secretário é interrogado se era Rômulo que administrava as obras da empresa referida acima, uma vez que há áudios comprovando a atuação de Trovão na execução das obras da Tempo. Murad responde: “Como já dito duas vezes,, e que na verdade, pelo o que sabe, Rômulo mantinha uma parceria com Alan, que inclusive foi citado a ligação telefônica”.

Segundo a PF, Rômulo Trovão nega a participação na empresa, pois deseja permanecer como sócio oculto para que consiga obter contratos no governo e na Prefeitura, uma vez que é proibido de contratar com o Poder Público.

Leia mais

PF diz que dona da escola Crescimento movimentava conta em nome de “laranja”

Escola Crescimento de Danielle Buna lavou quase R$ 2 milhões de verbas desviadas da Saúde

Esposa do sobrinho de Ricardo Murad teria utilizado dinheiro desviado da Saúde

Tempo Engenharia

A Tempo Engenharia e Arquitetura Ltda é uma das empresas investigadas pela Polícia Federal por integrar um esquema criminoso que desviou quase R$ 2 bilhões da Saúde do Maranhão.

Segundo a PF, a referida empresa tem como sócio Alankardec Albuquerque Queiroga, mas quem comanda todos os serviços e controla os custos é o sobrinho de Ricardo Murad, Rômulo Trovão.

De acordo com os autos do processo, a Tempo atuava em diversas unidades hospitalares realizando serviços de engenharia. Durante o período de 01 de janeiro de 2010 a 31 de dezembro de 2012, a empresa de Rômulo Trovão recebeu do Instituto de Cidadania e Natureza a soma de R$ 4.227266,62 milhões e da Associação do Bem-Viver R$ 954.549,25 mil.

Além disso, foi doadora de campanha para aliados de Ricardo Murad em diversas eleições.

sermao34


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

2 comentários em “Em depoimento à PF, Murad diz que sobrinho era dono de empresa que operou na Saúde”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Francisca Souza

    O teu problema é ou tem alguém te pagando bem pra fazer isso ou o Rómulo não ter te pagar.

  2. Lava Jato

    Confio muito no trabalho desse Juiz Veloso, já ouvi falar muito da sua integridade, por isso digo que um a um, irão para cela. Ricardo Murad a sua hora vai chegar, e não adianta pedir para o bigodudo, voce vai cair.
    Quanto essa Francisca, deve ser mais uma apadrinhada de Ricardo, que esta vendo seu emprego de meio expediente cair por terra…

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários