Poder

Desembargador manda Seccor investigar prefeita de Chapadinha

A denúncia foi oferecida pela Polícia Federal ao magistrado, que encaminhou os autos do processo para a Seccor.

prefeita-belezinha-e1361721985137

O desembargador da 3ª Câmara Criminal, José de Ribamar Froz Sobrinho, mandou a Superintendência Estadual de Prevenção e Combate à Corrupção (SECCOR), órgão ligado à Polícia Civil do Maranhão, investigar a prefeita de Chapadinha, Maria Ducilene Pontes Cordeira, conhecida como Belezinha.

A denúncia foi oferecida pela Polícia Federal ao magistrado, que encaminhou os autos do processo para a Seccor.

O despacho de Froz Sobrinho afirma que o órgão tem 90 dias para concluir as investigações contra Belezinha.

“Em atenção à manifestação ministerial de fls. 243, DETERMINO a remessa dos presentes autos à Superintendência Estadual de Prevenção e Combate à Corrupção para a conclusão das investigações, no prazo de 90 (noventa) dias, nos termos do art. 16 do Código de Processo Penal.”, determinou o desembargador.

thumbnail_img-20161021-wa0018


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Um comentário em “Desembargador manda Seccor investigar prefeita de Chapadinha”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. INVESTIGAÇÕES CONTRA EX-PREFEITA DE CHAPADINHA AVANÇAM NA POLÍCIA CIVIL – Blog do de Sá

    […] A investigação contra Belezinha iniciou ainda no passado, através de uma denúncia protocolada na Superintendência da Federal. Após isso, o desembargador Fróz Sobrinho determinou que os trabalhos fossem comandos pela SECCOR (reveja) […]

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários