Poder

Júnior Verde diz ser vítima de tentativa de golpe

unnamed (1)

O deputado estadual, Júnior Verde (PRB), emitiu nota informando que foi vítima de uma tentativa de golpe na noite da última quinta-feira (1º). Segundo o parlamentar, uma pessoa clonou o número do seu celular, e então teve acesso aos grupos de WhatsApp, do qual participa, e tentou obter vantagens financeiras em seu nome.

Veja a nota de esclarecimento abaixo:

Venho por meio desta nota informar que na noite de ontem (01), fui vítima de clonagem do meu celular e uma tentativa de golpe de estelionato.

De posse do meu número, um criminoso ainda não identificado teve acesso a todos os grupos de WhatsApp dos quais participo e evoluiu diálogos na tentativa de obter vantagens financeiras em meu nome.

A investida envolveu dois colegas de parlamento, e por sorte, o criminoso não obteve sucesso. Ele entrou em um grupo e perguntou se algum dos “colegas” utilizava o aplicativo do Banco do Brasil via celular ou computador. Dois responderam: Rogério Cafeteira e Rafael Leitoa.

Já em conversa privada com Cafeteira, disse que havia excedido o limite diário de transferência e perguntou se o deputado poderia repassar um determinado valor uma conta corrente de terceiro.

Desconfiado, Cafeteira pediu as informações da conta, e ao perguntar sobre minha localização, deixou o criminoso desconsertado.

Após tomar conhecimento, imediatamente registrei um Boletim de Ocorrência, e nesta sexta (02), conversarei pessoalmente com o secretário de Estado de Segurança, Jefferson Portela, para que todas as medidas sejam tomadas, de forma que esse golpe, no meu caso mal sucedido, não faça vítimas.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários