Poder

Decisão do TSE pode tirar Eldo Jorge da corrida eleitoral em Matinha

Faltando um mês para as eleições, Eldo Jorge (PCdoB), que é candidato a prefeito na cidade de Matinha, segue enganando a população da cidade.

Eldo não pode ser candidato porque tornou-se inelegível no Tribunal Superior Eleitoral por captação ilícita de sufrágio (compra de voto). A decisão ainda cabe recurso e é disso que usa o candidato para continuar mentindo à população.

O artigo publicado pelo professor de Direito, Fábio Braga, sobre compra de votos e inelegibilidade relata que “com o advento da Lei da Ficha Limpa, a condenação por compra de votos passou a acarretar, como efeito reflexo, a sanção de inelegibilidade pelo prazo de oito anos, a contar da data da eleição em que se verificou o ato ilícito”.

Para quem não sabe, em 2012, quando também tentou ser prefeito de Matinha, o comunista foi acusado de comprar votos.

Com toda essa pendência judicial, a pretensão de Eldo é na verdade abdicar, às vésperas das eleições, de sua candidatura e colocar a mulher em seu lugar.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários