Poder

Gaeco investiga repasses feitos para cunhada da primeira-dama de Duque Bacelar

Ministério Público requereu a atuação do GAECO e do COAF no caso.

A administração pública municipal de Duque Bacelar, comandada pelo prefeito Flávio Furtado, está na mira do Ministério Público Estadual. A Prefeitura do referido município, empresas e a cunhada da primeira-dama, Iarlly Rebelo Torres, estão envolvidas em diversas operações financeiras atípicas, segundo documentos obtidos pelo Blog do Neto Ferreira.

No decorrer das investigações, o Ministério Público, por meio da 2ª Promotoria de Justiça de Coelho Neto, constatou que Iarlly recebeu a quantia de R$ 1.412.387,00 (hum milhão, quatrocentos e doze mil, trezentos e oitenta e sete reais), proveniente de diversos cheques emitidos pela Prefeitura de Duque Bacelar, entre novembro de 2010 e novembro de 2011.

Diante das constatações, o Ministério Público requereu, com urgência, a ação do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (GAECO) e do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (COAF). Pediu também a quebra de sigilo bancário da envolvida.

Iarlly, que é casada com um irmão da primeira-dama de Duque Bacelar,  é lotada no Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) do município.

1

2


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários