Poder

Ex-deputado também teve decretada prisão preventiva

Joaquim Lima Araújo, de verde, e Tancledo Lima Araújo, de laranja, sendo apresentados no auditório da SSP.

O ex-deputado estadual Joaquim Lima Araújo, o Quincas, teve prisão preventiva decretada pelo desembargador do Tribunal de Justiça, Raimundo Melo. Quincas é secretário de Administração e Finanças de Paulo Ramos.

A operação foi desencadeada pela Superintendência Estadual de Combate à Corrupção (Seccor), que tem como responsavel o delegado Leonardo Bastian Fagundes.

Além de Quincas, foram presos na manha desta terça-feira (05), prefeito Tancledo Lima Araujo, os irmãos Moussa Esbr Mansour e George Esbr Mansour, a esposa de Moussa, Geovana Carla Mansour, José Alencar Miranda Carvalho – pai do agiota Gláucio Alencar – e Luiz Antônio Meireles Gomes, funcionário do empresário Eduardo José Barros Costa, o ‘Eduardo DP’


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários