Poder

STF nega pedido de prisão feito pela PGR contra Sarney, Renan e Jucá

Ministro do STF considerou imunidade parlamentar e ausência de flagrante. No mesmo despacho, magistrado deu 5 dias para Cunha apresentar defesa.

Do G1

O ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou nesta terça-feira (14) os pedidos de prisão apresentados pela Procuradoria Geral da República (PGR) contra o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), o senador Romero Jucá (PMDB-RR) e o ex-presidente da República José Sarney.

Em relação ao pedido da PGR para prender o presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), Teori ainda não tomou uma decisão definitiva. Em razão do vazamento do pedido de prisão do deputado do PMDB, o magistrado mandou intimar Cunha a se manifestar em até cinco dias para se defender.

A solicitação para prender Cunha foi feita em uma ação separada dos outros três peemedebistas.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários