Poder

Pré-candidatos fora do páreo em São Luís

Entre eles estão os vereadores Rose Sales (PMB) e Fábio Câmara (PMDB), o deputado federal João Castelo (PSDB), o secretário de Desenvolvimento Social, Neto Evangelista (PSDB) e o deputado estadual, Bira do Pindaré (PSB).

A corrida eleitoral deste ano para a Prefeitura de São Luís já começou a mudar de cenário e ganhar mais consistência.

No início, vários pré-candidatos estavam entusiasmados com a possibilidade de se tornar prefeito da capital maranhense, no entanto alianças e apoios políticos não se consolidaram e as coisas tiveram que se acalmar.

Entre eles estão os vereadores Rose Sales (PMB) e Fábio Câmara (PMDB), o deputado federal João Castelo (PSDB), o secretário de Desenvolvimento Social, Neto Evangelista (PSDB) e o deputado estadual, Bira do Pindaré (PSB).

Todos já são considerados fora do páreo.

Rose Sales tentou viabilizar a sua candidatura pelo PT, mas não deu certo. Se filiou ao PV, e em seguida foi para o Partido da Mulher Brasileira, o que de fato inviabilizou de vez a entrada da vereadora na disputa eleitoral.

O deputado federal João Castelo preferiu abdicar da sua pré-candidatura, a ter que fazer uma coalizão com o prefeito Edivaldo Holanda Júnior, e desse modo apoiará a deputada federal Eliziane Gama com o intuito de colocar a sua filha como vice da chapa.

O secretário de Desenvolvimento Social foi rifado pelo PSDB, pois não tinha nem 5% dos votos dos eleitores da capital maranhense, segundo pesquisas eleitorais.

Já o deputado Bira do Pindaré está enfrentando uma crise política dentro do PSB, uma vez que o ex-presidente do diretório estadual, Roberto Rocha, resiste à sua candidatura a prefeito de São Luís.

E o vereador Fábio Câmara, que entrou com todo gás na disputa, não conseguiu nem 8% das intenções de votos nas pesquisas, o que é um fator preponderante para confirmar a sua candidatura.

Porém, outros se sobressaíram e estão ganhando, cada vez mais, espaços dentro do ambiente político municipal e tem grandes chances de conseguir ganhar a disputa, como o deputado estadual, Wellington do Curso (PP), a deputada federal, Eliziane Gama (PPS), e o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PDT), que seguem firmes.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

9 comentários em “Pré-candidatos fora do páreo em São Luís”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Ribamar

    Neto
    Acho ainda muito cedo.Eleição se ganha até no dia do pleito vamos aguardar um pouco mais.Acho que não mais acho que no mês de agosto teremos com certeza o.candidato com. Potencial de vencer as eleições .
    Um abraço

  2. ALBERTO

    Sinais de eleição polarizada entre EDH e Eliziane

  3. Janaldo

    Fica mais claro o fortalecimento da candidatura de Edivaldo holanda Jr. Só vai em Eliziane Gama quem nao está atento as noticias politicas locais e nacionais.

  4. Valéria

    Ao meu ver o candidato a reeleição, Edivaldo Holanda, tem grandes chances de continuar no poder. As pessoas acompanharam a dificil jornada no inicio do seu mandato e, só agora pode trabalhar pelo povo e com o povo.

  5. Jamil

    O perfil do prefeito que a população deseja é um engajado pelo crescimento e desenvolvimento da população em geral, que vai de uma simples ação social ao empreendedorismo. Esse nome já é cogitado por muitos: Edivaldo Holanda.

  6. Marcos

    O embate da eleição já temos uma pré-noção: Holanda x Gama x Curso. Se levarmos em conta os projetos já desenvolvidos pelos dois, conseguimos ter condição de deduzir quem será o nosso prefeito eleito, né Edivaldo?.

  7. Mauro

    Edivaldo vai levar essa no primeiro turno, os principais adversários são fraquíssimos!

  8. Amaral

    Somando todos esses candidatos juntos, não chegam na casa dos 20%, Eliziane e Welligton com 15% juntos, totaliza 35%, ai tem os 5% de indecisos em brancos, Edivaldo tem por volta de 60% garantido.

  9. Marcela

    Esses candidatos que desistiram se conscientizaram de que nao tem capacidade para a empreitada das eleicoes para a prefeitura.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários