Poder

Péssimas condições das Unidades de Saúde de Cajari são detectadas pelo DENASUS

Até foco de casa de marimbondo foi encontrado em um posto de saúde.

A situação caótica das unidades de Saúde do Município de Cajari foi detectada pelo Departamento Nacional de Auditoria do SUS (DENASUS). Rachaduras, infiltrações generalizadas, medidor de energia danificado, e até focos de cupim foram encontrados nos postos de saúde.

A condição do consultório odontológico  da Unidade Básica de Saúde Enseada Grande também é lastimável. No local, sem as mínimas condições de funcionamento, faltam sugador e instalação hidráulica, o aparelho de refletor está com a fiação exposta e a lâmpada queimada. Até uma casa de maribondo foi encontrada debaixo da mesa de instrumental odontológico.Todos esses absurdos foram registrados pela equipe do DENASUS.

Dentre as várias observações contidas no Relatório, contam: que a Atenção Básica ressente-se, com o não cumprimento da carga horária semanal de trabalho pelos profissionais de nível superior e com as precárias condições da estrutura física, mobiliários e equipamentos das Unidades de Saúde, que comprometem o bom atendimento aos usuários do SUS.

Outra irregularidade identificada no Município foi o registro, de forma errônea,  da Unidade Básica de Saúde do povoado Tamancão no Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES), uma vez que o posto não existe.

Diante dos problemas apresentados, o Relatório concluiu que a gestão municipal de saúde de Cajari apresenta distorções, devendo ser implementada de acordo com o preconizado nas Políticas de Saúde, viabilizando um atendimento digno e resolutivo aos usuários.

1

2

3


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários