Poder

TCE encaminha denúncia de Alto Alegre do Pindaré à Polícia Federal

Contratos irregulares, totalizando R$ 6.354.807,26, foram cancelados pelo Tribunal de Contas.

O Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE-MA) mandou cancelar contratos da prefeitura de Alto Alegre do Pindaré, devido a existência de inúmeros vícios e irregularidades, constatadas pelo Ministério Público de Contas do próprio tribunal.

Além do cancelamento dos contratos, o Tribunal de Contas encaminhou, na tarde desta sexta-feira (15), a denúncia à Polícia Federal,  por se tratar de verbas federais. O Município de Alto Alegre do Pindaré tem como prefeito Atemir Botelho, que foi afastado do cargo, mas assinou os contratos.

Os contratos em questão totalizam a quantia de R$ 6.354.807,26 (seis milhões, trezentos e cinquenta e quatro mil, oitocentos e sete reais e vinte e seis centavos), referentes a contratação de empresas para fornecimento de material de consumo diversos- expediente, suprimento e higiene e limpeza- para atender as demandas do ano de 2016 das secretarias municipais. Os contratos beneficiariam duas empresas: Euro Comério EIRELLI e K.D Angela A. da Silva.

Encaminhados pelo TCE-MA a Superintendência da Polícia Federal, os contratos foram publicados no Diário Oficial do Maranhão no dia 29 de fevereiro.

1


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários