Poder

Empresária cobra R$ 141 mil de subsecretário pelo WhatsApp

O Subsecretário de Saúde, Advogado Carlos Lula, não soube dizer o dia que poderia sanar a dívida com a empresa, prestadora de serviço para o estado.

No intuito de receber as cifras devidas pelos serviços prestados inicialmente ao Instituto Cidadania e Natureza (ICN), uma empresária recorreu ao aplicativo WhatsApp para cobrar do Governo do Maranhão.

A divida, que atualmente é de responsabilidade da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (EMSERH), após a ICN perder o contrato com o estado, é motivo de indignação e gerou um constrangimento ao subsecretário da Secretaria de Estado de Saúde (SES), advogado Carlos Eduardo Lula.

A empresária usou o aplicativo para cobrar Lula o pagamento da produção de placa de pvc adesivada, placa suspensa de recepção, placa suspensa acolhimento, placa com poste estacionamento restrito para ambulância, painel classificação de risco. entre outros.

“Só quero receber o que eu trabalhei. Será que dá pra ser. Será que dá pra esse governinho mequetrefe, falido e caloteiro me pagar”, questionou a dono da empresa de Comunicação Visual e Gráfica.

Carlos Lula, subsecretário de Saúde, sentiu-se desrespeitado e optou pelo bloqueio da empresária do seu grupo de contato do WhatsApp.

O valor cobrado da Saúde do Estado é 141 mil, mas desde outubro do ano passado não se tem previsão de pagamento. Notas da empresa foram atestadas para obter a dívida, que já acumula quase 4 meses de atraso.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

2 comentários em “Empresária cobra R$ 141 mil de subsecretário pelo WhatsApp”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Marcos

    Esse gorveno caloteiro não paga ninguém….tenho um processo de pagamento na Seduc e ssp-ma e lá não tão pagando nada….quero saber o que Flávio Dino vai fazer nesse estado,porque até agora não fez nada

  2. netoferreira

    Caros amigo Marcos caso tenha interesse de nos passar a informação entre em contato pelo whats 98 987561819

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários