Poder

Escândalo: engenheiro do Estado revela fraude em obra da Secretaria de Administração

Valber é engenheiro da J. Kilder e no papel ele era o engenheiro responsável pela reforma. No entanto, ele nega tal responsabilidade.

mmn-fraude
Após detectar diversas irregularidades na obra de reforma do Anexo 5 do Centro Administrativo do Estado realizada pela empresa J. Kilder Construções e Serviços Ltda, o engenheiro chefe da Secretaria de Gestão e Previdência (Segep), Marinaldo Damasceno Corrêa Júnior, conversa por telefone com Valber Castro Rosa, engenheiro da J. Kilder e que também seria responsável pela reforma do local.

No áudio, Marinaldo se surpreende ao saber que os proprietários da empresa, Francisco Jesselino Aragão Costa e Amandio Kilder Aragão Costa, usaram indevidamente o nome de engenheiro.

“Ei Valber, é Marinaldo! Estou preocupado, pois não estou conseguindo certificar as ART (Anotação de Responsabilidade Técnica), inclusive tenho uma ART tua aqui que não está assinada, tenho uma outra que tem apenas um rabisco. Me diz uma coisa, tu não estava responsável por essa obra aqui do anexo 5 não, né?, questionou Damasceno.

Em seguida, Valber responde: “Eu, na realidade, não estava nem sabendo. É porque sou responsável por outra obra. Agora essa obra aí, eu nem soube e nada” afirmou.

No diálogo entre os engenheiros é revelado que houve, sem sombra de dúvidas, crime de falsidade ideológica para que a obra fosse concluída na Secretaria de Administração (Atual Gestão e Previdência).

“Cara como é que tu não está sabendo de nada e ele vão e fazem uma ART com teu nome? Esses caras são loucos? Isso é falsidade ideológica. Isso dá cadeia” exclamou Marinaldo.

No decorrer da conversa, Valber afirma que vai conversa com os donos da empresa e afirma que vai resolver. O engenheiro do estado se mostra preocupado, pois os responsáveis pela empresa tiraram de 14 tesouras baixaram para 7, sem necessidade.

Ouça o áudio no Blog do Kiel Martins


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários