Poder / Política

Dilma exonera vice-presidente da Caixa indicado por Eduardo Cunha

Fábio Ferreira Cleto era responsável por administração de loterias e fundos. Cunha afirmou que exoneração 'é melhor para o currículo' de Cleto.

Do G1, em São Paulo

Fábio Ferreira Cleto, vice-presidente da Caixa (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)

Fábio Ferreira Cleto, vice-presidente da Caixa (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)

A presidente Dilma Rousseff exonerou o vice-presidente de Fundos de Governo e Loterias da Caixa, Fábio Ferreira Cleto, indicado pelo deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) para o cargo. De acordo com informações obtidas pela GloboNews, a exoneração de Cleto foi um “troco” do Palácio do Planalto em Cunha, por ele ter autorizado a abertura do processo de impeachment contra Dilma na semana passada.

A exoneração foi publicada nesta quinta-feira (10) no “Diário Oficial da União”. Questionado sobre o caso, Cunha disse que considera a saída do governo “melhor” para o currículo de Cleto. Nas últimas semanas, a relação entre a presidente Dilma e o presidente da Câmara tem se desgastado cada vez mais, com episódios de trocas de farpas e acusações mútuas.

“Para o currículo dele, é melhor não estar nesse governo”, afirmou o peemedebista. Cunha disse que a indicação de Cleto para o cargo era da bancada do PMDB “lá atrás” e declarou que não fala há três meses com o agora ex-vice-presidente da Caixa.

No banco, Cleto era responsável exclusivamente pela administração ou operacionalização das loterias federais e dos fundos instituídos pelo governo federal.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários