Poder

Ricardo Murad tenta desmentir superintendente da PF

Genro de Roseana Sarney e ex-secretário Ricardo Murad.

Genro de Roseana Sarney e ex-secretário Ricardo Murad.

Na tentativa de desmentir a acusação do superintendente da Polícia Federal, Alexandre Saraiva, o ex-deputado estadual Ricardo Jorge Murad emitiu nota classificando como absurdo o inquérito que aponta desvio de bilhões em verbas federais da saúde.

Murado quando assumiu a Secretaria de Estado da Saúde promoveu, segundo a PF, um dos maiores rombos com dinheiro destinado pela União, por meio do Ministério da Saúde, ao Fundo Estadual de Saúde do Maranhão.

Ele diz que sua gestão à frente da secretaria gerou melhoras na rede de saúde com serviços de qualidade prestados por médicos e construções de hospitais. “Ampliamos e melhoramos muito a oferta de serviços médicos, a quantidade de hospitais, a qualidade do atendimento”, diz a nota.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Me dirijo a vocês neste momento para esclarecer a respeito da operação da Polícia Federal e CGU.

Na Secretaria de Saúde não houve desvios bilionários como afirma o superintendente da Polícia Federal, mas sim muito trabalho, dedicação e seriedade com os recursos públicos que destinamos para atender aos maranhenses uma rede de hospitais, upas e centros especializados de medicina digna de povos avançados.

Um absurdo – completo absurdo, aliás – se imaginar que mais de um bilhão de reais tenha sido desviado de serviços médicos hospitalares da rede estadual. Isso levaria, com absoluta certeza, a que mais da metade dos hospitais do Estado não estivessem funcionando nos últimos cinco anos, porque representaria mais de 50% dos recursos aplicados no setor.

Justamente o contrário do que todos vivenciamos!!! Qualquer um que tenha necessitado dos serviços médicos/hospitalares ou tenha trabalhado da rede estadual na época em que estive como Secretário pode atestar o que digo. Ampliamos e melhoramos muito a oferta de serviços médicos, a quantidade de hospitais, a qualidade do atendimento. Isso é público e notório!!!

Meus amigos, por determinação da Justiça Federal, que prontamente atendi, prestei depoimento por mais de 15 horas, com trinta páginas de esclarecimentos.

Respondi a tudo o que me foi perguntado e deixei registrado que no período em que estive à frente como secretário, ao contrário do que se divulga, não houve superfaturamento, nem pagamentos de serviços, obras, medicamento e materiais médico/hospitalar que tenham sido pagos sem a devida prestação de serviço ou a correspondente entrega dos produtos e materiais e muito menos pagamentos de médicos e funcionários fantasmas.

Sempre me coloquei antes mesmo da operação à disposição da Justiça, MPF e PF e continuo no mesmo propósito porque tenho o dever de defender a nossa obra que, pela primeira vez, deu a todos os maranhenses oportunidades de ter uma rede de assistência à saúde de primeiro mundo. Relembre bit.ly/1INktzt.

Ricardo Murad


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

2 comentários em “Ricardo Murad tenta desmentir superintendente da PF”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Lidio

    Que bom que as autoridades estão se preocupando com tantas corrupção já vista no nosso país parabéns as autoridades .,!! O Maranhão por ser o estado mais pobre da defederacao não é pra esta acontecendo isso que absurdo.!

  2. Guilherme Rodrigues

    Só uma dúvida… Ricardo Murad não é cunhado de Roseana Sarney e não genro, como está na legenda da foto da matéria?
    Abraços
    Parabéns pela reportagem e cobertura do caso.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários