Poder

O medo do ex-auxiliar de Murad

Interceptação mostra preocupação de Mário Leite em pagamento milionário. Ex-adjunto da Saúde fala em duplicidade de pagamentos de R$ 1,6 milhão

Márcio Leite e Ricardo Murad.

Márcio Leite e Ricardo Murad.

O ex-adjunto de Estado da Saúde, médico José Márcio Lite, foi orientado pelo chefe Ricardo Murad a protelar esclarecimentos e prestações de contas firmados pela SES para o secretário da Transparência e Controle (STC), Rodrigo Lago.

Além disso, os investigadores mostram um dado interessante que refere-se ao medo de Márcio Leite sobre o pagamento milionário em duplicidade.

Durante a conversa interceptada Márcio Leite fala para Murad que a notificação chegou e foi enviada pela SETC e que ela é referente ao aditivo destinado à empresa Fujita Engenharia Ltda. “Ali das OSCIPs do período de julho a fevereiro de 2010, aquele aditivo da Fujita, lembra?” perguntou.

Em outro trecho do diálogo o ex-adjunto fala para Ricardo que ficou preocupado com um pagamento em duplicidade milionário. “Eu fiquei, mas assim com o negócio de… de pagamento em duplicidade de um milhão e seiscentos”.

Ricardo Murad tranquiliza Márcio Leite e afirma que já recebeu uma notificação também, porém não iria responder tecnicamente e o orientou da mesma forma. “Eu recebi uma do meu tempo, passei para Daniel e pra Fabiano, a nossa ideia não é responder tecnicamente, fazer um documento sobre a questão da legalidade, desse negócio dessa secretaria… uma coisa aí para a gente não ter que adiantar resposta e nem… que eles estão atirando cego”.

O ex-secretário de Saúde finaliza a conversa falando que vai tomar uma atitude sobre o caso.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários