Poder

Presidente da Câmara da Raposa é flagrado recebendo propina

Vereador da Raposa.

Vereador da Raposa.

Foi divulgado um vídeo que mostra o presidente da Câmara da Raposa, Eudes da Silva Barros e sua vice, Rosilene Pereira Teixeira, a Rosa, recebendo propina das mãos do ex-prefeito do município, Clodomir.

O vídeo, feito a partir de uma câmera escondida, foi filmado de dentro do gabinete de Clodomir. As imagens mostram logo no início, o líder político entregando um maço de dinheiro nas mãos da vereadora, esta por sua vez, ao confirmar o valor, coloca o volume em dinheiro entre os seios. O vereador Eudes presencia toda a cena segurando um papel dobrado nas mãos.

O autor das imagens, que não quer ser identificado afirma que existem outros vídeos com graves denúncias contra Eudes. Ele afirma que há gravações feitas até mesmo direto do gabinete do presidente da Câmara.

Outro vídeo mostra o vereador na sede da prefeitura contando dinheiro, e repartindo, certamente para dividir com alguém. Só não se sabe com quem.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Um comentário em “Presidente da Câmara da Raposa é flagrado recebendo propina”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. ricardo

    URGENTE: Policia Militar impede que moradores da Raposa acompanhe julgamento do ex – prefeito na sede do TRE – MA.

    O clima agora ficou tenso, a poucas horas do julgamento dos embargos de declaração do ex – prefeito de Raposa Clodomir Oliveira, no Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão / TRE – MA(clique aqui). De acordo com informações, a Policia Militar prendeu neste momento na estrada da Maioba, sem nenhuma justificativa os ônibus que estavam trazendo os moradores de Raposa, que iriam acompanhar o julgamento na sede do TRE – MA.

    Mesmo com a documentação dos ônibus em dias, várias viaturas da Policia Militar foram deslocadas ao local para impedir a saída dos três veículos, informações dão conta que supostamente a ordem partiu do comando geral. Os PMs que estão participando da operação de repressão contra a população de Raposa, confirmaram que a ordem partiu do Capitão Falcão, que é o oficial do dia.

    O temor imperou e dificulta o processo de concentração da população na sede do TRE – MA, para acompanhar o julgamento, que estranhamente já foi várias vezes adiado pela corte eleitoral. Nas imediações da Alta Corte Eleitoral Maranhense, local marcado para o encontro da população, se apresentam várias viaturas da Polícia Militar, visivelmente armadas para o combate e repressão de qualquer ato de manifesto da população raposense.

    As viaturas da policia militar prenderam os ônibus dos manifestantes da Raposa

    Todo o aparato militar para acompanhar e impedir o deslocamento da população de Raposa, evidenciava o quão distante estamos do conceito de “policiamento democrático”. Presenciamos uma polícia inacessível, fechada ao diálogo e parcial, partindo do suposto de que todo e qualquer manifestante é uma ameaça potencial, e portanto, merece o tratamento de um criminoso.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários