Poder

Prefeitura de Nova Olinda operou com empresa atrelada a corrupção

Prefeito Delmar Sobrinho.

Prefeito Delmar Sobrinho.

O Grupo de Atuação Especial no Combate às Organizações Criminosas (Gaeco) do Ministério Público do Maranhão, devem investigar rigorosa a Prefeitura de Nova Olinda, administrada por Delmar Sobrinho.

A gestão de Sobrinho contratou com a Construtora Construir Ltda., para a realizar serviços de manutenção preventiva e corretiva do sistema de iluminação pública. O enoresa faturou R$ 187.606,00 (cento e oitenta e sete mil, seiscentos e seis reais).

A mesma empresa é investigada pela Polícia Federal e Ministério Público Federal por participar de uma organização criminosa (ORCRIM), que desviou recursos discorres públicos.

A Construtora Construir faturou R$ 1,4 milhão da Prefeitura de Anajatuba, em 2013, para reforma de escola e obras em estradas vicinais. A empresa foi registrada em uma casa de fachada.

Na Superintendência da Polícia Federal em São Luís, consta um depoimento revelando a atuação de Fabiano Bezerra como chefe da Construir. Fabiano teve a casa vasculhada na semana passada por agentes federais na Operação Geist (fantasma em alemão).

A testemunha disse também que o esquema das empresas é prestar serviços e fornecer produtos superfaturados a diversas prefeituras e que todas as notas dessas empresas são frias.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários