Poder

Os benefícios da aposentadoria de uma desembargadora

Desembargadora aposentada Buna.

Desembargadora aposentada Buna.

Maria dos Remédios Buna Magalhães que dedicou-se 29 anos à justiça de 1º. grau e outros 10 anos como desembargadora, se despediu da magistratura com grandes benefícios e regalias.

Buna deixou o Tribunal em decorrência de aposentadoria compulsória, recebendo cifras polpudas que é de direito de um desembargador que prestou serviço relevantes a sociedade maranhense.

Um dos benefícios recebidos foi a conhecido farra da licença-prêmio que em 1997 durante uma reforma administrativa realizado pelo ex-presidente da Republica, Fernando Henrique Cardoso, foi extinta do no âmbito federal, mas permaneceu no estadual.

Esse mesmo beneficio referente ao 6º qüinqüênio contraria até o próprio Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que permite apenas para quem entra em processo de aposentadoria.

Mas, no dia 16 de outubro deste ano foram calculados vários benefícios que somados chegou a mais de R$ 700 mil reais.

É como o dizia o finado Décio Sáa: quem pode, pode; quem não pode, põe no blog!

image


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Um comentário em “Os benefícios da aposentadoria de uma desembargadora”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Rafael

    Tá explicado o motivo do Tribunal de Justiça do Maranhão querer aumentar o orçamento em mais 1.600,000.00 (um bilhão e seiscentos milhões de reais).
    Só a licença prêmio 700.000 mil reais.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários