Poder

Flávio Dino bate em Arnaldo Melo sobre manobra para quitar precatórios no apagar das luzes

Flávio Dino diz que pedirá ressarcimento por eventual uso de fundos ilegais.

A possibilidade do atual governo deixar os caixas esvaziados para a próxima gestão não ficará sem resposta. foi o que afirmou o governador eleito Flávio Dino. Para ele, a manobra do atual governo para quitar os precatórios no apagar das luzes, através do “Fundo de Depósito de Reserva de Depósitos Judiciais” é inconstitucional.

“O novo governo do Maranhão vai buscar ressarcimento de todos os pagamentos feitos com base em Fundo criado de modo inconstitucional”, disse Flávio, pelas redes sociais. Segundo ele, a Constituição exige a criação do Fundo por meio de uma Lei e não de um Decreto, como foi feito. “O fundo para usar depósitos judiciais foi criado por Decreto, editado há alguns dias, contrariando a Constituição, que exige uma Lei”, esclareceu.

O tema foi pauta do jornal Folha de São Paulo, nesta sexta-feira (26), que abordou a articulação do governo que finda para dispor de R$ 500 milhões para o pagamento de precatórios, que não são quitados há mais de três anos. De acordo com o impresso, no apagar das luzes, o grupo de Sarney tenta derrubar liminar que a oposição obteve na Justiça para bloquear o uso da verba.

Em entrevista esta semana, o coordenador da Equipe de Transição, Marcelo Tavares, revelou que os débitos com os precatórios só neste ano já somam R$ 300 milhões e que há mais de três anos o governo Roseana Sarney não paga um precatório sequer. Por isso, Marcelo Tavares considera “estranho” que o governo se disponha a pagar esse montante há seis dias para o início da próxima gestão.

Sobre isso, o governador eleito também se posicionou: “visível o esforço para deixar o ‘caixa zerado’ para o novo governo do Maranhão. Lamento muito essa falta de espírito republicano”, avaliou. Dino ainda deixou claro que assim que a nova gestão tiver acesso às informações negadas no período de transição, “divulgar tudo e tomar as providências legais”.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

2 comentários em “Flávio Dino bate em Arnaldo Melo sobre manobra para quitar precatórios no apagar das luzes”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Jandira Martins

    Esses precatórios são legais e a a pessoas que os esperam não tem culpa da briga política. O juiz que deu a liminar suspendendo o pagamento devia se dar por impedido por ser amigo pessoa de FD. Isso caro governador, chama-se calote! Está começando muito mal. Quer dinheiro? Comece verificando os altíssimos salários do judiciário e de alguns membros do executivo que recebem sem trabalhar. Ah isso não quer né ?

  2. Fatinha

    Espero que Flávio Dino se mostre diferente de Roseana Sarney e deixe de sacrificar as pessoas que esperam ha anos pelo pagamento de seus precatórios. Afinal os mesmos não tem culpa da corrupção desenfreada que marca as ultimas administrações nesta Estado. Pagamento dos precatórios já,

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários