Poder

Esquema de notas frias com prefeituras ultrapassa R$ 30 milhões

Em entrevista coletiva, realizada nesta quarta-feira, 3, na Procuradoria Geral de Justiça, integrantes do Ministério Público do Maranhão, Controladoria Geral da União, Polícia Civil e Polícia Federal, deram detalhes da Operação Geist (fantasma em alemão), realizada no início da manhã de hoje.

De acordo com o promotor de justiça Marco Aurélio Rodrigues, coordenador do Grupo de Atuação Especial no Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), foram cumpridos 14 mandados de busca e apreensão em 13 endereços de São Luís e um em Itapecuru-Mirim. Nove equipes formadas por policiais, delegados e técnicos dos órgãos envolvidos realizaram, simultaneamente, as ações de busca e apreensão.

No apartamento do empresário Fabiano de Carvalho Bezerra, localizado no condomínio Lakeside (Ponta da Areia), que seria o operador de um esquema de fraude em licitações e desvio de recursos públicos na Prefeitura de Anajatuba e em outros municípios maranhenses, foram apreendidos cheques em branco, contratos, computadores e outros documentos que podem ter relação com as supostas fraudes. Até um carimbo do Cartório Celso Coutinho, de São Luís, foi encontrado na residência.

Além do promotor Marco Aurélio Rodrigues, participaram da coletiva os delegados Luís Jorge, da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic), Parente Júnior, da Polícia Federal, o chefe da Controladoria Geral da União (CGU) no Maranhão Francisco Alves Moreira, e o auditor Sérgio Junqueira, também da CGU.

Segundo o coordenador do Gaeco, a próxima etapa da investigação é a análise de todo o material apreendido, a fim de enriquecer o conjunto probatório. Ele acrescentou que os valores dos contratos com suspeita de irregularidades já somam mais de R$ 30 milhões. A empresa A4, de propriedade de Fabiano de Carvalho Bezerra, possui contrato no valor de R$ 6 milhões com a Prefeitura de Anajatuba para prestação de serviços de transporte, inclusive o escolar, mas não possui um automóvel sequer.

Francisco Alves, da CGU, informou que, além dos recursos federais desviados dos cofres públicos, as investigações detectaram que há recursos do Tesouro estadual e de fontes próprias do município de Anajatuba desviados pelo esquema de corrupção. Entre as irregularidades já detectadas em processos licitatórios, a partir de auditorias da CGU, estão o direcionamento nas licitações, restrição à concorrência, contratos de fachada e pagamentos por serviços não executados.

Alves afirmou, ainda, que algumas das empresas beneficiárias do esquema não existem fisicamente no endereço declarado, não possuem funcionários, nem veículos e máquinas, embora uma delas tenha sido contratada para realizar a coleta de lixo.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

3 comentários em “Esquema de notas frias com prefeituras ultrapassa R$ 30 milhões”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. kaliloliveira

    Meu amigo se a Policia Federal fosse em Colinas Maranhão, seria umas das maiores reportagens de licitações fraudulentas do Maranhão, a cidade esta abandonada, um caos, saúde abandonada, educação,lixo, saneamento não existe, é a pior gestão que já vi na minha cidade, e o pior que o Prefeito é médico, conhecido com Dr. Antonio Carlos, ortopedista famoso na ilha, Pan Diamante que diga!!
    lá o negócio é feio!!

  2. ATENCAO POLiCIA FEDERAL E MP

    ATENCAO AUTORIDADES HOJE OS MAIORES VENDEDOR DE NOTAS FRIAS PARA VARIAS PREFEITURAS DOMARANAHO SAO O PAULINHO EX VEREADOR DE SUCUPIRA DO NORTE E GENRO DE EX PREFEITA E IRMAO DA VICE PREFEITA DE SUCUPIRA DO NORTE, ELE TEM COMO SOCIOS MADSON VULGO PERNETA IRMAO DO PREFEITO DE JOSELANDIA , ENORQUE EX PREFEITO DE PASTOS BONS , ESTES TRES SAO OS MAIORES VENDEDORES DE NOTAS FRIAS NO MARANHAO E SO VCS INVESTIGAR ESTES INDIVIDUOS E ELES TEM COMO LARANJA O SR JOSIAS ESTE CIDADE TEM UMAS TRES EMPRESAS FASTAMAS NO NOME DELE EM SAO LUIS E PRESIDENTE DUTRA POR SINAL UM CUNHADO DESTE PAULINHO JA CAIU EM SAO JOAO DOS PATOS A POUKO TEMPO COM VENDAS DE NOTAS FRIAS ELE FAZ PARTE DESTA QUADRILA

  3. Mario Morales

    Neto Ferreira meu amigo tu é bem pago pelo casal de bom jardim, o promotor falou no nome da prefeitura como já comprovada e voce como sempre não fala nada de lá a não ser quando a barbie lhe envia materias pra rebater as noticias contra ela, que triste em???

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários