Poder

Arnaldo Melo deixa tudo amarado na Assembleia e engessa Max Barros

Antes de deixar o cargo de presidente da Assembleia Legislativa, o agora governador Arnaldo Melo (PMDB), correu contra o tempo para deixar todos os pagamentos amarrados.

Ele simplesmente deixou Max Barros completamente engessado, até o final deste ano. A folha de pagamento, contratos com empresas e nomear novos servidores é algo que o novo presidente do Legislativo ficará impedido de fazer.

A fisionomia de descontentamento de Max foi notadamente visível após a cerimônia de posse de Arnaldo Melo. Ao tomar conhecimento da atitude de Melo, deputados ficaram perplexo e sem entender.

De fato, soou negativamente para o novo governador.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários