Poder

Criança é agredida por servidor da Secretaria de Direitos Humanos

Uma crueldade foi cometida contra uma criança indefesa dentro da D. Pedro II, escola particular que fica no bairro da Cohama em São Luís.

Após o servidor da Secretaria de Direitos Humanos, Marcelo Malty, tomar conhecimento que seu filho teria brigado na escola, ele de forma cruel e marginalizada deu um tapa na cara da outra criança de 10 anos.

A mãe da criança se revoltou com o fato e buscou o nome do agressor, o que foi omitido na ocasião pela direção do D. Pedro pelo simples fato dele possuir relações afetivas com uma funcionária da escola.

A agressão sofrida pela criança foi informada para o Conselho Tutelar.

No Maranhao, infelizmente existe crápula com comportamento nojento que usa da força física para espancar criança em pleno século XXI.

E a solução para isso é a cadeia junto com os bandidos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

5 comentários em “Criança é agredida por servidor da Secretaria de Direitos Humanos”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. NEGAO

    ESSE MENINO QUE LEVOU ESSE TAPA NÃO TEM PAI????

  2. Ricardo Pai de um Aluno do DPII

    Quero ver ele dar um tapa em um homem! ai se fosse um filho meu..

  3. Zé de Badica

    Punição neles urgente!
    E uma pergunta cade a postagem sobre esse tema http://gilbertolimajornalista.blogspot.com.br/2014/10/diego-polary-volta-ser-apontado-como.html?m=1

  4. KARINE

    a escola tem que ser penalizada, por proteger esse covarde, enquanto seu dever seria proteger essa criança…..

  5. jorge luis silva soeiro

    EM relação a essa escola

    em relação a escola Dom pedro não tive uma boa experiencia como pai de um aluno que estudou lar por 4 anos , o meu filho ficou reprovado, não culpo a escola o que eu não fiquei gostando foi que quando voltei la para rematricular fui informado que não havia mas vaga, isto senhores leitores e obvio que o aluno de uma escola tem a prioridade de permanecer com a vaga reservada ate que ele desiste . mas não foi isso que aconteceu comigo.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários