Poder

TSE proíbe divulgação de pesquisa contratada pela TV Difusora

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) proibiu na manhã desta quinta (18) a divulgação da pesquisa contratada pela TV Difusora de Edinho Lobão. A pesquisa, cujo instituto contratado não possui sequer sede, foi encomendada pela emissora pertencente ao candidato do grupo Sarney, que se mantém em segundo lugar e muito atrás do primeiro colocado, Flávio Dino.

A praticamente 15 dias da eleição e sem conseguir convencer o eleitor maranhense, Edinho Lobão resolveu contratar uma pesquisa do instituto Prever – o mesmo que em 2012 “previu” a vitória de João Castelo para a prefeitura de São Luís.

A responsável pela impugnação da pesquisa foi a coligação “Unidos pelo Brasil”, da candidata Marina Silva (PSB). Após a analisar os dados da pesquisa, o Tribunal Superior Eleitoral avaliou que havia irregularidades no registro da pesquisa.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Um comentário em “TSE proíbe divulgação de pesquisa contratada pela TV Difusora”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. CARLOS

    Realmente só o povo idiota que acredita nessas pesquisas. Vou dar o exemplo da eleição para governador na qual as “pesquisas” afirmavam que Roseana ganhava com sobra no 1º turno, só para ludibriar a população. No final ela fez foi perder a eleição. Conclusão: CREDIBILIDADE NENHUMA NESSAS PESQUISAS CONTRATADAS.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários