Poder

Em Timon, maldição do atraso toma conta do governo de Luciano Leitoa

Chico Leitoa exerce forte influência na gestão do filho.

Chico Leitoa exerce forte influência na gestão do filho.

Timon é mesmo uma cidade sem sorte, onde a maldição do atraso está impregnada. Pois não é que o atraso já tomou de conta da administração do prefeito Luciano Leitoa, que, nada mais é do que o presidente regional do PSB do Maranhão. Ele, a exemplo da sua antecessora, a ex-prefeita Socorro Waquim (PMDB) se elegeu combatendo o “atraso”, que, na verdade, teve origem na gestão do pai dele, o engenheiro Chico Leitoa que administrou a cidade por dois mandatos (1993/1996 e 2000/2004), deixando um atraso de quatro meses o salário do funcionalismo e fornecedores.

A ex-prefeita Socorro Waquim, que cantou em verso e prosa como slogan: “atraso nunca mais”, em sua campanha de reeleição em 2008 quando derrotou o atual prefeito, Luciano, seu concorrente, tornou-se, nada mais nada menos do que a “campeã do atraso” ao deixar os servidores com 5 meses de salários atrasados e também fornecedores, sempre os mais sacrificados e condenados a falência por conta de gestões nefastas e irresponsáveis.

O atraso, que parece mais um “vírus corruptivo”, se manifesta sempre pelo não pagamento, inicialmente, de fornecedores, em especial aqueles mais fraquinhos, que não podem reclamar e vai crescendo e se estendendo para outros até atingir o salário do funcionalismo, seja ele efetivo, comissionado ou contrato. Agora, mesmo, o prefeito Luciano Leitoa já iniciou o terceiro mês sem o pagamento dos salários das equipes do PSF, que incluem os médicos, enfermeiros, dentistas e agentes de saúde. Timon é uma das inúmeras cidades em que o prefeito somente repassa aos seus servidores os valores que recebe do governo federal, sem um único centavo do governo municipal, disso resultando o mais baixo salário de toda a região.

FORNECEDORES – Entre os diversos fornecedores da Prefeitura que estão com pagamento atrasados constam veículos de comunicação de Teresina, no caso emissora de TV, onde foram divulgados campanhas publicitárias enaltecendo as ações administrativa da gestão do prefeito Luciano Leitoa. A verba alocada para despesa de mídia foi estimada em 5 milhões de reais por ano e cujo contrato com agência acabou de ser renovado, conforme publicação no diário oficial eletrônico da Prefeitura de Timon.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

3 comentários em “Em Timon, maldição do atraso toma conta do governo de Luciano Leitoa”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. suelly Barbosa

    Queremos um Governo Melhor, pq nos timonenses nao temos recursos de nada… Ate o salario dos funcionários da Prefeitura esta tendo descontos… De todo jeito esta tendo Roubo chega de roubo queremos o melhor para nossa Cidade… Socorro Timon pede Socorro

  2. Matheus

    SANTA INÊS TAMBÉM PEDE AJUDA , O NOME SÓ NÃO É SOCORRO O PREFEITO DO GRUPO Adão COMUNISTA TEM ESSAS QUALIDADES , NÃO PAGAR EM DIAS ,SUMIR COM PARTE Do SALÁRIO NÃO RECOLHE INSS,FGTS,NÃO INFORMA A RAIZ, JÁ PENSARAM O AMIGO FLÁVIO DiNO PORVENTURA FIQUEM ALERTA .O DE SANTA INÊS AINDA TEM A MULHER LUANA 4030 NÃO SE DEIXE EnGANAR

  3. 007

    NETO PROCURA SABER DE UM PROC CONTRA A EX PREFEITA POR ESTELIONATO NA CIDADE DE LUIZ CORREIA PIAUI. E PROCURA SABER SOBRE A LICITACAO DO PAC 2, A EMPRESA QUE GANHOU FOI A 4 COLOCADA. VAI FEDER E UMA BOMBA. DISVIO DE VERBAS

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários