Poder

Greve dos rodoviários para 100% da frota de ônibus pelo segundo dia, em São Luís

Rodoviários sugeriram adequação do reajuste salarial para 11%, o que não foi suficiente para selar um acordo entre trabalhadores e empresários.

Do Imirante.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários no Estado do Maranhão (Sttrema), Gilson Coimbra, reafirmou na manhã desta quarta-feira (28), em entrevista ao programa Acorda Maranhão, da Rádio Mirante AM, que a greve dos rodoviários – que chega ao sétimo dia – segue e a categoria para, pelo segundo dia, 100% da frota de ônibus do sistema de transporte público da capital maranhense, São Luís.

Segundo Coimbra, os trabalhadores rodoviários sugeriram adequação do reajuste salarial para 11%. Anteriormente, a classe exigia 16% de aumento salarial – ouça a entrevista na íntegra.

Ontem (27), uma reunião entre os trabalhadores rodoviários e empresários não foi suficiente para selar um acordo entre as partes. A reunião foi realizada na Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT), no bairro do Ipase, e contou, também, com a participação de representantes do Ministério Público, Procon, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MA) e entidades estudantis.

Em contato por telefone com a reportagem da TV Mirante, o secretário municipal de Trânsito e Transportes, Canindé Barros, informou que, às 16h, rodoviários e empresários se reúnem, novamente, desta vez na sede do Ministério Público do Trabalho (MPT), no bairro do Renascença. Segundo ele, a prefeitura não tem como acatar as reivindicações por ajuda de custo ao setor, e que, também, não vai autorizar reajustes de tarifas.

Já o Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 16ª Região deve analisar a ilegalidade da greve dos rodoviários nesta manhã.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

2 comentários em “Greve dos rodoviários para 100% da frota de ônibus pelo segundo dia, em São Luís”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. rubens

    empresário de ônibus tem um lucro besta e não tem consideração com os rodoviários aí quem paga o pato somos nós

  2. Claudia

    O engraçado dessa palhaçada toda é que os empresários só pensam no aumento das passagens, não tem acordo que os satisfaçam. Si não, isso ai tem cara de camaradagem entre empresários e o sindicato, pelo menos a prefeitura já bateu o pé e garantiu que não haverá aumento.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários