Poder

Ex-prefeito de Bequimão poderá ser condenado a devolver R$ 8 milhões

Do Blog do João Filho

Ex-prefeito Antônio Diniz.

Ex-prefeito Antônio Diniz.

O Ministério Público Federal do Maranhão, em recente ação impetrada a 6ª Vara Federal do Estado, pediu a devolução de quase 9 milhões de reais, do ex-prefeito de Bequimão, Antônio Diniz Braga Neto (PC do B) devido o prejuízo causado ao Erário Público e Malversação de valores recebidos pela Prefeitura em tela e que deveriam ser revertidos em prol da população bequimãoense.

Em decisão bem fundamentada, o juiz da 6ª vara federal do Maranhão, Jorge Ferraz de Oliveira Junior, deferiu em sede de Liminar, o bloqueio de todos os bens e valores da conta do ex-prefeito Antonio Diniz (PC do B), devido a um dos 05(cinco) processos de Improbidade Administrativa, que correm na Justiça Federal do nosso Estado, sob o nº 0058105-06.2013.4.01.3700, da 6ª Vara Federal. O ex-prefeito de Bequimão viu seus bens e valores se tornarem indisponíveis para resguardar o efetivo ressarcimento ao Erário quando do encerramento do processo, já tendo inclusive notificado os cartórios de 1ª e 2ª zona da Comarca de São Luis e da Cidade de Bequimão, DETRAN /MA e DETRAN/AM. (veja os documentos abaixo).

Os valores desviados por Diniz somam 8.827.698,92(oito milhões oitocentos e vinte e sete mil e seiscentos e noventa e oito reais e noventa e dois centavos). O pedido foi feito pelo Ministério Público do Maranhão, em peça bem fundamentada, em que o juiz Jorge Ferraz Júnior, determinou o bloqueio de 1.790.906,72( um milhão setecentos e noventa mil novecentos e seis reais e setenta e dois centavos), já realizados na conta do ex-prefeito Antonio Diniz, como consta no documento do BACEN/JUD), adquirido com exclusividade por este Blog. Além do bloqueio junto ao DENATRAN/SERPRO de um Fiat/Pálio fire 2007/2008 ,de placas NHJ-4467/MA , De acordo com os documentos abaixo, já foi realizado, também, o bloqueio de uma HILUX CD 4×4 SRV zerada, de placas OAN 3474/MA Cor prata , comprada à vista em Manaus, capital do Amazonas, por 140.000,00 mil reais. A restrição já está no sistema DENATRAN/SERPRO. E não parou por aí; houve também o bloqueio dos demais bens imóveis em Bequimão e em São Luis (conforme documentação adquirida Por este Blog), com total exclusividade. 2.1.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários